A estrada que conduz à liderança eficaz pode ser pedregosa, e o caminho pela frente nem sempre é claro. Quando as pessoas são admitidas nas empresas, muito frequentemente começam como colaboradores individuais. À medida que colaboradores individuais aumentam sua competência técnica, são geralmente promovidos a cargos gerenciais. Frequentemente, não têm qualquer experiência em gestão, e suas competências interpessoais são limitadas, especialmente em áreas altamente técnicas.

À medida que profissionais assumirem responsabilidades adicionais de liderança, precisarão se submeter cada vez mais à boa vontade e ajuda das pessoas em todos os níveis da organização, indivíduos que precisam ser vistos, ouvidos e compreendidos por seus líderes, a fim de maximizarem seus potenciais. – Adaptado do livro Coaching: O Exercício da Liderança.

Como podemos observar, tornar-se um líder não é uma tarefa muito fácil. Criar e engajar pessoas em um curso ou treinamento de liderança também não! O que devemos fazer então? Deixar que a sociedade entenda que um indivíduo se torne líder apenas quando suas habilidades e aptidões natas assim o denominem? Dessa forma, criamos crenças limitantes em potenciais líderes, criando um rótulo e marginalizando quem não está dentro dele.

Nós precisamos de líderes não apenas nas empresas, mas em nossos lares, em nossos círculos de amizade, em nossos condomínios… Até na política! Precisamos deles em todas as esferas da sociedade, portanto, todos devem buscar de alguma forma exercer a liderança. Contudo, a liderança pode influenciar positivamente ou não!

Alguns cursos ainda abordam os estilos de liderança, mas segundo Marcus Buckingham (Instituto Gallup), “Não existe um perfil certo de líder: cada pessoa tem aptidão para determinada tarefa, o desafio é colocar a pessoa certa no lugar certo e dar liberdade para que ela faça as coisas da sua maneira.”

Em 2013, a Duque Treinamentos criou uma proposta diferenciada para um curso de liderança, A Incrível Arte de Liderar. Dividido em 4 partes, o curso traz ferramentas de Coaching não apenas para gestores aplicarem em suas equipes (de qualquer esfera), como também para aqueles que ainda não exercem a liderança, encontrem em si os principais atributos que lhe farão exercer a liderança. Além disso, o curso oferece a oportunidade do participante vivenciar a liderança, provocando mudanças e quebrando paradigmas na forma de desenvolver seu próprio estilo de liderança.

Por Fernando Lopes